PIONEIROS DE BEAGÁ

O novo conceito chega a capital mineira

A história do Eddie teve início no coração de Beagá: na Rua da Bahia, em um casarão tombado pelo patrimônio histórico. A decoração escolhida seguia a linha “retrô” da Casa Amarela, se inspirando nos diners americanos dos anos 50.

Devido à veia gastronômica dos idealizadores, o Eddie logo se tornou o “santuário” da comida americana clássica, com os verdadeiros hambúrgueres e milkshakes artesanais, até então inexistentes na capital mineira.

Não nos contentamos em simplesmente fazer burgers no melhor estilo americano, com carne verdade ao invés dos processados industriais que tomavam conta das lanchonetes. Desenvolvemos receitas e iniciamos a fabricação própria de praticamente tudo que se servia na Casa: como os pães, os sorvetes, molhos, sobremesas, além, é claro, dos hambúrgueres que nunca deveriam ser congelados, e sim servidos fresquinhos e temperados logo antes de ir para a chapa.

Como pioneiros e autênticos na culinária americana (jamais junk food!), criamos uma relação de afeto com os frequentadores das Casas do Eddie. 

Nosso menu permaneceu intacto por 17 anos antes que criássemos coragem de alterar itens clássicos do menu e abraçar novas tendências e novas gerações.

Por isso, agora temos dois menus: O  Tradicional (servido em shoppings) e o da  Casa Amarela  (rua da Bahia e Vila da Serra), origem de novas aventuras gastronômicas em Belo Horizonte, assim como em 2002.